(62) 3626-6872
Home     Notícias
EM PORANGATU

Emoção durante a Via-Sacra

Com apoio do prefeito Pedro Fernandes, encenação nas margens da Lagoa Grande leva público à emoção com martírio de Jesus


Publicado em 23 Abril 2017

Pedro Gomes

|   Compartilhe esta página:    

Pedro Gomes
O martírio de Jesus rumo ao Monte Calvário foi representado em Porangatu, às margens da Lagoa Grande
O martírio de Jesus rumo ao Monte Calvário foi representado em Porangatu, às margens da Lagoa Grande

A encenação da Vida, Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo levou cerca de quatro mil pessoas à Praça da Lagoa Grande de Porangatu na sexta-feira (14), público estimado pelos organizadores do evento que aconteceu pelo 32º ano consecutivo. A Via-Sacra foi organizada e produzida teatralmente pela Diretoria de Cultura, através da Secretaria de Educação em mais uma ação da prefeitura na atual gestão, sob o comando do prefeito Pedro Fernandes, que ao lado da primeira-dama Leila Ferreira Barreto, fez questão de assistir ao espetáculo. O vice-prefeito Junim do Bonsucesso e a esposa Gisele, a secretária de Educação, Januária, também prestigiaram o espetáculo.
Neste ano pela primeira vez o público pôde se acomodar em arquibancadas de concreto, estrutura construída já com esta finalidade no início do ano. Também foram montadas no espaço estruturas extras de arquibancadas móveis metálicas e ainda aproximadamente mil cadeiras, na intenção de disponibilizar à comunidade mais acomodações, porém mesmo assim a maioria das pessoas assistiu a apresentação de pé, tendo em vista a grande quantidade de pessoas que compareceu à margem do lago. 
No local foi montada uma megaestrutura, algo em torno de 15 toneladas de equipamentos de sonorização e de iluminação e tenda em Gel Space. E pela primeira vez a prefeitura decidiu investir em recursos tecnológicos na produção cenográfica. Com isso as imagens dos cenários representando o período histórico, ao contrário das outras edições e que precisavam ser trocadas a cada ato, foram projetadas em um gigantesco painel de led.
Foram quase duas horas de espetáculo. Mais de 80 atrizes e atores amadores voluntários participaram da Via-Sacra. As cenas chamaram a atenção e emocionaram o público. Algumas mais tocantes e cruciais do martírio chegaram a arrancar lágrimas dos espectadores.
A interpretação da personagem principal (Jesus Cristo) foi pela quinta vez consecutiva do professor Ismael Alves. Priscilla Gonçalves, que interpretou Maria em 2015, voltou a fazer o papel da mãe de Jesus. Como sempre, o espetáculo foi marcado pela musicalidade e nesta edição, os diretores Ronnys Coelho e Lucas Fernando, que dirigiram a peça teatral pela primeira vez, deram preferência às canções cantadas ao vivo pelos atores.
Outra novidade na Via-Sacra 2017 foi o tablado colocado sobre a areia da praia da Lagoa Grande, recurso utilizado pela organização com a finalidade de transmitir ao espectador a sensação de estar em um verdadeiro teatro ao ar livre. Parte do figurino foi renovada, trabalho da figurinista Rose Vieira. A plástica artística foi das coreógrafas Vivian Nunes e Hanna Torres e teve ainda a participação do Studio de Dança Nathalia Spindola, o que tornou possível a inclusão de músicas clássica sob o ritmo de balé no espetáculo.
Segundo a diretora de Cultura Célia Ferro, o prefeito Pedro Fernandes se empenhou para que, desde os ensaios, produção, direção e finalização do espetáculo, todas as metas fossem alcançadas e o resultado superou todas as expectativas, tanto da comunidade quanto dos organizadores.
Tendo em vista o crescente público a cada ano, a diretora Célia explicou que para 2018 já está projetando ampliar o número de acomodações no espaço. "A concepção cênica deste ano superou todas as edições anteriores e apesar da duração do espetáculo, que chegou a quase 120 minutos, o público permaneceu no local até o fim em absoluto silêncio acompanhando a apresentação em seus mínimos detalhes, comprovando a veia teatral que a cidade de Porangatu possui", afirmou Célia Ferro.

Galeria de Imagens

 

 Rua T-30, 1.310, esquina com rua T-49, Setor Bueno, Goiânia - Goiás


© 2018 - Jornal Diário do Norte
Produção