(62) 3626-6872
Home     Notícias
MINAÇU

CP quer afastamento do prefeito Nick Barbosa (DEM)

Comissão Processante investiga possíveis irregularidades na gestão do prefeito


Publicado em 01 Junho 2017

Pedro Gomes

|   Compartilhe esta página:    

Pedro Gomes
Vereadores e o prefeito Nick Barbosa durante sessão na Câmara Municipal de Minaçu
Vereadores e o prefeito Nick Barbosa durante sessão na Câmara Municipal de Minaçu

Ficou para esta segunda-feira (5) a votação ou não do requerimento que pede afastamento do prefeito Nick Barbosa (DEM), investigado por uma Comissão Processante (CP) instalada na Câmara Municipal de Minaçu  no dia 17 de abril. A CP apura possíveis irregularidades na gestão do prefeito  como valores pagos nas contratações de empresas responsáveis pela coleta de lixo urbano e retirada de entulho das ruas da cidade, negligência no fornecimento de informações solicitadas pelos vereadores através de ofícios e o não pagamento dos salários dos servidores do município referente ao mês de dezembro de 2016. Na segunda-feira (29), durante sessão com o plenário totalmente lotado, os vereadores que integram a comissão resolveram retirar de pauta a votação do pedido após reunião a portas fechadas. 
A plateia que exibia na plenária várias mensagens de apoio ao prefeito Nick, ficou inconformada e reagiu com vaias assim que a decisão dos vereadores foi anunciada pelo presidente do Poder Legislativo, Admilson Seabra (PSDB).
Para ser aprovado o afastamento do prefeito é preciso maioria absoluta dos votos. De acordo com o vereador Fabinho Santana (PSB), a proposta apresenta vícios processuais, ou seja: erros na composição e, por este e outros motivos, o vereador acredita que dificilmente a matéria poderá ser colocada novamente na pauta de votação desta segunda-feira. 
O próprio presidente da Câmara Municipal, Admilson Seabra Campos, disse ao Diário do Norte que não vê motivos para que o prefeito seja afastado e afirmou que espera juntos construírem o novo prédio da câmara, projeto do presidente que foi elaborado na legislatura anterior e que, segundo Admilson Seabra, é uma das prioridades desta nova gestão dele na presidência da Casa de Leis.
O prefeito Nick Barbosa também foi assistir à sessão da câmara, chegou logo após o anúncio do adiamento da votação e foi ovacionado pelo público. Ele falou com a reportagem do Diário do Norte sobre as acusações e disse que faz uma gestão transparente.
"Eu queria perguntar a esses vereadores que estão contra mim o que foi que fiz de errado? Foi apenas um ofício requisitando as informações que o meu secretário não respondeu e por isso eles querem a minha cadeira? Por eles fazerem isso, me motivam mais ainda a ficar na prefeitura, pois eu gosto de desafio, eu gosto dessa polêmica," desabafou o prefeito Nick.
Sobre os valores das contratações das empresas responsáveis pela limpeza pública, Nick Barbosa disse que os contratos precisavam ser atualizados e os serviços contratados pelo governo anterior não eram suficientes para atender a demanda da cidade. "Exigi que o caminhão passe todos os dias para recolher o lixo tanto no centro da cidade quanto nos bairros onde moram as pessoas mais humildes", explicou Nick Barbosa.
A proposta de formatação de uma CP foi feita pelo vereador Cabo Queiroz. O presidente da Comissão Processante é o vereador Soldado Tavares, tendo o  Valmir da AGN como relator e a vereador Ivonete Duarte como secretária. Tudo indica que aliados do prefeito retornarão à Camara Municipal durante nova sessão nesta segunda, quando o tema deve voltar ao plenário para discussão e votação. 

 Rua T-30, 1.310, esquina com rua T-49, Setor Bueno, Goiânia - Goiás


© 2018 - Jornal Diário do Norte
Produção