(62) 3626-6872
Home     Notícias
EMPREGOS

Boa notícia para Niquelândia

Votorantim Metais pode voltar às atividades de mineração na cidade. A empresa fará testes. Governador e prefeito Valdeto comemoram a decisão


Publicado em 02 Abril 2017

Pedro Gomes

|   Compartilhe esta página:    

Pedro Gomes
Autoridades participam de lançamento de reserva em Niquelândia: iniciativa assegura aumento da arrecadação
Autoridades participam de lançamento de reserva em Niquelândia: iniciativa assegura aumento da arrecadação

O governador Marconi Perillo participou na manhã de sexta-feira (31 de março) da solenidade de lançamento da reserva ambiental LegadoVerdes do Cerrado, localizada na zona rural do município de Niquelândia. A RPDS - Reserva Privada de Desenvolvimento, que pertence à CBA Companhia Brasileira de Alumínio, se tornará a primeira unidade de conservação de Goiás na categoria e a primeira no país voltada para a preservação do bioma do cerrado.
A reserva ambiental Legado Verdes do Cerrado está localizada em uma área de 32 mil hectares, dos quais 27 mil permanecem protegidos pela Votorantim Metais desde a aquisição, negociação ocorrida há mais de 40 anos. A partir de agora, em razão da parceria firmada com o Governo de Goiás, a reserva receberá iniciativas voltadas à biodiversidade do Cerrado e também para a produção convencional de gado, plantio de soja e outras culturas, a exemplo do que já é desenvolvido em uma pequena faixa de terra da propriedade.
O Termo de Cooperação Técnica visando a ação conjunta nos núcleos que compõem a Reserva Legado Verdes do Cerrado, celebrado entre o Estado de Goiás, por intermédio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Científico e Tecnológico e de Agricultura, Pecuária e Irrigação; UEG - Universidade Estadual de Goiás; e a CBA - Companhia Brasileira de Alumínio e Reservas Votorantim, foi assinado no local pelo governador Marconi Perillo, pelo diretor presidente da CBA, Ricardo Rodrigues de Carvalho; pelo diretor de Reservas da Votorantim, David Canassa; e pelo reitor da UEG, professor Haroldo Reimer; e como testemunha assinaram também o prefeito de Niquelândia, Valdeto Ferreira; o deputado estadual Helio de Sousa e o secretário da titular da Secima, Vilmar Rocha.
Também foram assinados outros dois Termos de Cooperação Técnica: um entre o Governo de Goiás, CBA e a FAPEG - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás; e Reservas Votorantim visando estabelecer a mútua cooperação entre as partes para apoio a projetos e pesquisas básicas e aplicadas na área da conservação da natureza no âmbito da Reserva Legado Verdes do Cerrado; e o segundo envolvendo a CBA, Reservas Tocantins e a UFG - Universidade Federal de Goiás, este com foco na produção de pesquisas para o estudo dos potenciais dos serviços ecológicos do bioma cerrado, incluindo uma integração com a agropecuária de baixo carbono, protocolo devidamente assinado ainda pelo representante da UFG, professor Edward Madureira.
Em seu rápido discurso, o governador Marconi Perillo ressaltou a importância do lançamento oficialmente da Reserva Legado Verdes do Cerrado e disse que se tratava de um momento histórico para todo Estado, afirmando que os benefícios do projeto são de altíssimo valor. Para Marconi, a RPDS representa em Niquelândia um verdadeiro santuário ecológico de beleza exuberante que irá se transformar em um dos principais atrativos turísticos não apenas para o Brasil, mas para o mundo inteiro.
Vilmar Rocha comentou a disponibilidade do governador Marconi Perillo em participar do evento e afirmou que tal atenção se deve ao fato dele considerar de grande importância a parceria com a CBA e explicou que se a Reserva Ambiental for explorada devidamente, terá o mesmo poder de geração de emprego e renda de uma grande indústria.
Além do grande potencial turístico, a Reserva Ambiental poderá garantir ao município de Niquelândia os recursos oriundos do ICMS Ecológico, uma quantia expressiva que deverá girar entorno de R$ 2 milhões por ano, garantiu o secretário Vilmar Rocha ao prefeito Valdeto.
Entusiasmado com a riqueza natural da Reserva Ambiental e percebendo a oportunidade real de reconquistar para o município os recursos do ICMS Ecológico, valor que atualmente equivale a algo entorno de 20% da arrecadação de Niquelândia, o prefeito Valdetoafirmou que a parceria entre o Estado, a CBA e a Votorantim foi mais um grande acerto do governador Marconi.Valdeto aproveitou o momento para pedir auxílio ao governador junto ao Governo Federal na negociação de dívidas que o município tem na ordem de R$ 175 milhões com a Previdência Social.
Marconi prometeu mediar a solução, porém a grande novidade foi o anúncio da possível retomada das atividades da Votorantim Metais. Conforme explicou o governador, o grupo dará início a uma experiência nova, um projeto experimental de seis meses na exploração de níquel e se eles conseguirem êxito, isto será o início da reativação das atividades extrativas na mineradora. "Se Deus quiser vai dar certo. Se conseguirem novas rotas de mercado, queremos vir aqui para fazer o anúncio da reativação, que é o que todos nós, goianos e niquelandenses, esperamos", disse em tom de comemoração o governador Marconi Perillo. 
Além do governador Marconi Perillo; integrantes da comitiva e dos representantes das instituições envolvidas no trabalho de cooperação, participaram do evento os prefeitos de Uruaçu, Valmir Pedro; e Antônio Luciano Batista de Lucena, de Barro Alto; e a presidente da Fapeg, Maria Zaíra Turchi.
E durante a solenidade teve também espaço para a cultura. A atração foi o grupo Catireiras do Divino Espírito Santo, que dançou ao som da dupla Cristiano e Meire.
As autoridades finalizaram a participação no evento plantando mudas de árvores nativas e realizando uma visita à capela de São José, construída na reserva. 

Galeria de Imagens

 

 Rua T-30, 1.310, esquina com rua T-49, Setor Bueno, Goiânia - Goiás


© 2018 - Jornal Diário do Norte
Produção